Como funciona a gestão com management 3.0?

Uma estratégia que tem como objetivo principal revolucionar o modo como desenvolvedores e gestores atuam nas empresas têm ganhado cada vez mais espaço no mundo empresarial: estamos falando da gestão com Management 3.0. O termo foi criado, no livro Management 3.0 – Agile Developers, Developing Agile Leaders, pelo autor Holandês Jurgen Appelo.

É fundamental que os empreendimentos tenham um bom desempenho para que possam atender o mercado. Afinal, é necessário sobreviver nesse espaço extremamente competitivo em que vivemos atualmente.

Logo, surge a necessidade de analisar o ambiente que cerca os profissionais, de modo que eles se sintam motivados a oferecer o seu melhor, e é exatamente aí que entra o Management 3.0 que afeta, principalmente, o mercado de TI. Quer saber mais sobre ele? Continue a leitura e confira!

O que é o Management 3.0?

Estamos falando sobre um conceito que é relativamente recente. O propósito inicial do Management 3.0 é simplesmente mudar o paradigma da gestão de pessoas, isso significa que o objetivo é fazer com que as empresas reavaliem os seus processos de gestão e as suas estruturas organizacionais para que se tornem mais produtivas.

Além disso, o Management busca auxiliar os gestores na criação de um local propício dentro das equipes para que os profissionais possam se sentir motivados de maneira contínua, e não totalmente controlados.

O conceito, portanto, é sobre como as equipes de profissionais podem trabalhar juntas a fim de encontrar a maneira mais produtiva de uma empresa atingir as suas metas, enquanto mantém a alegria dos seus funcionários como uma prioridade, de modo que se estimule a criatividade, a motivação e que possa ser criado um ambiente adequado — sem hierarquias entre as áreas, com fácil comunicação e com um ambiente descontraído e engajador.

Na Locaweb, por exemplo, todos os princípios do Management 3.0 são colocados em prática. No entanto, o empoderamento de times tem um destaque especial — a empresa permite que as pessoas tenham autonomia e poder de decisão. Desse modo, os colaboradores precisam ter confiança no que estão fazendo e colocar em prática o senso de ownership, ou seja, sentirem-se responsáveis pelos resultados da empresa.

Para execução dessa metodologia, pratica-se o alinhamento de estratégias ou restrições (align constraints). Isso significa deixar as metas claras e os objetivos bem definidos. Além disso, para o desenvolvimento de competências, muitos feedbacks são oferecidos. Há um acompanhamento da carreira do colaborador, promoção de treinamentos e conhecimento, compartilhamento de informações etc.

Quais as visões do Management 3.0?

O conceito é organizado em seis visões. Confira quais são elas!

Energizar pessoas

A parte mais importante das corporações são as pessoas. É imprescindível que os gestores e desenvolvedores consigam mantê-las criativas, motivadas e ativas.

Desenvolver Competências

O time precisa ser autossuficiente e auto-organizado, o que significa que preparar e desenvolver as pessoas devem ser prioridade.

Alinhar Restrições

As restrições são sempre essenciais para guiar e também para alinhar o interesse de todas as pessoas envolvidas. Afinal, por mais engajadas que elas estejam, se não haver apenas um foco, todas as ações tomadas podem ser em vão.

Empoderar Times

Times precisam se auto-organizar. No entanto, para que isso aconteça, é preciso ter autonomia, empoderamento e confiança dos gestores.

Crescer a Estrutura

Toda empresa tem o objetivo de crescer. No Management 3.0 isso não acontece de forma diferente. Contudo, o crescimento precisa ser consciente e focado na qualidade do ambiente empresarial.

Melhorar tudo

Melhoria contínua precisa ser uma lei. Dessa forma, o segredo do sucesso, sem dúvidas, será errar e aprender com os próprios erros. Logo, não há como não atingir as metas e os objetivos.

Por que usar o Management 3.0?

Simplesmente porque o Management 3.0 traz uma gestão muito mais humanizada para o negócio, em que as pessoas precisam ser o ativo mais relevante da empresa.

Como um dos principais objetivos dessa gestão é engajar os colaboradores, ela acaba alavancando o crescimento, garantindo entregas mais eficazes, rápidas e ágeis para a criação de produtos ou serviços incríveis. E, claro, como consequência de tudo isso, têm-se a redução da rotatividade de pessoal e o aumento da satisfação.

Com o Management 3.0, as pessoas se sentem responsáveis pelas tarefas que estão executando e conseguem ter liberdade para agir diante de qualquer situação, com confiança para mudar o que for necessário, buscando cumprir totalmente o seu trabalho.

Resumindo, então, o Management 3.0 acaba servindo como um guia provocativo para que os líderes possam se tornar ágeis também e, assim, colher bons resultados.

Qual a relação entre metodologias ágeis e Management 3.0?

As metodologias ágeis são consideradas complementos do Management 3.0. A partir da combinação de ambas estratégias, consegue-se fazer entregas rápidas, com o auxílio do fail-fast — pequenos testes para verificar a aderência das mudanças que serão realizadas.

Por exemplo, um determinado produto só é amplamente desenvolvido após a criação de uma pequena amostra, que será colocada no mercado para que seja observado o modo como o público vai utilizar. Para cada processo é escolhida a metodologia ágil mais adequada para que tudo aconteça da melhor forma possível.

Como implementar o Management 3.0?

Para a implementação do Management 3.0 não há uma receita. Deve-se estudar e entender as práticas e os ensinamentos para aplicar aquilo que agregará no dia a dia, bem como não ter medo de fazer adaptações de acordo com as necessidades do negócio, com o intuito de evitar consequências indesejadas.

Vale ressaltar que a mensuração de resultados também se mostra essencial nesse processo. Podemos dizer que é um modelo totalmente mental de gestão. Fica a cargo das pessoas e líderes compreenderem que é preciso modificar a forma de gerenciar e ver a equipe como uma grande parceira na otimização de processos.

Enfim, o Management 3.0 pode ser de grande auxílio na criação de um ambiente de trabalho muito mais inspirador ajudando a manter os funcionários mais satisfeitos, engajados e motivados. A gestão com Management 3.0 já é considerada o futuro da gestão empresarial. Então, aproveite para utilizar essa estratégia, lembrando que não basta apenas cuidar de pessoas, é preciso que a empresa seja dinâmica e que aprenda com as situações que o mercado impõe todos os dias.

Gostou do texto e acha que os seus amigos também aprenderiam com este conteúdo? Então, aproveite para compartilhá-lo nas suas redes sociais!