Big data: você está preparado?

A informação é a base da gestão estratégica. Os dados gerados por softwares e aplicações como um todo são base para o processo de tomar decisões importantes. Para isso, o big data é um campo da tecnologia imprescindível e deve também ser pensado em todos os projetos dos desenvolvedores.

Este post vai mostrar em detalhes do que se trata o assunto. Veja também como ele é importante ao desenvolvedor, como aprender mais sobre o tema e quais as vantagens de saber mais sobre big data.

O que é big data?

De maneira objetiva e simples, big data nada mais é do que um volume de dados amplo. Porém, quando utilizado no contexto tecnológico, esse termo significa a captação, análise e gestão dessas informações em larga escala.

O big data está cada vez mais em pauta, e o motivo é a maneira como os dados são utilizados. As empresas têm reunido esses registros para entender comportamentos, avaliar históricos, traçar perspectivas e, de uma forma geral, tomar decisões.

A gestão estratégica depende diretamente da aplicação do big data. As atividades da empresa geram dados de todos os tipos, e eles têm origem diversas: redes sociais, softwares, planilhas, documentos, relatórios e muitos outros, sendo estruturados ou não.

Por que um desenvolvedor deve aprender?

Responsável por softwares e aplicações, o desenvolvedor deve pensar no seu trabalho adequado às necessidades dos clientes. Para muitos deles, ter uma solução que facilite o big data é fundamental. Se o prestador de serviço entende isso, automaticamente oferece o melhor.

O foco em métricas é o ponto de partida do desenvolvimento. É preciso pensar em uma aplicação que seja capaz de medir e entregar os dados de suas próprias atividades. Posteriormente, o trabalho de big data capta todos esses números.

Essa mensuração acontece para que as empresas identifiquem a eficiência de suas atividades. Nesse caso, o software utilizado também precisa apresentar eficácia, e as métricas ajudam a identificar essa utilidade.

Para o desenvolvedor, o caminho se abre com mais oportunidades se ele se capacita a entender e praticar o big data. Para isso, seus trabalhos precisam facilitar a mensuração e organizar os dados para que sejam mais facilmente absorvidos em um momento futuro.

Registro de dados nas aplicações

A melhor maneira de desenvolver dentro desse cenário é pensar em aplicações e softwares que registrem todos os dados de interação. Qualquer ação realizada nessas plataformas geram dados de diversos tipos, e são justamente eles que serão captados no trabalho de big data.

Essas informações são importantes para entender como os usuários estão lidando com o produto criado pelo desenvolvedor. A partir daí, as empresas obtêm insights fundamentais para tomar decisões importantes a longo prazo.

Quais os benefícios do big data para a carreira do desenvolvedor?

O desenvolvedor pode colher bons frutos se entende e trabalha nos seus projetos com base no big data. Para sua carreira e para o cliente final, os benefícios proporcionam resultados mais eficientes e precisos. A seguir, entenda quais as vantagens do estudo e da prática desse conceito.

Acompanhamento contínuo do produto

Saber sobre a usabilidade de um produto desenvolvido pode ser muito importante. Se você consegue acompanhá-lo, pode colheres resultadas e entender como se dão as interações dos usuários com eles. Isso é possível se você trabalha com a organização e a leitura de dados na sua aplicação.

Todo uso vai gerar dados que serão armazenados de maneira eficiente e prática. Diante disso, o desenvolvedor pode analisar as atividades e entender como está sendo o uso por parte do cliente. Esse feedback vai permitir fazer melhorias, compreender dificuldades e proporcionar a possibilidade de melhoria a todo tempo.

Entrega de uma solução otimizada ao cliente

Esse talvez seja o principal benefício. O desenvolvedor que entende o big data é capaz de desenvolver aplicações que lidam melhor com os dados gerados no uso. Elas são organizadas e ficam mais acessíveis a quem fizer a coleta de informações com a ajuda de outros softwares especializados em big data.

É cada vez maior a busca por soluções que proporcionam a integração dos dados com ferramentas de captação dos mesmos. Gestores e colaboradores precisam dessas informações para entenderem as atividades da empresa e conduzirem as atividades em direção aos objetivos definidos previamente.

Diferencial para a carreira

Aprender e aplicar os conceitos de big data são um diferencial muito valioso para o desenvolvedor. Como você viu, as empresas têm crescido suas exigências para o uso dessa tecnologia, graças ao apoio que ela oferece na gestão. Naturalmente, se você é capaz de entregar isso, as melhores oportunidades estarão à sua disposição.

Cada vez mais será possível desenvolver aplicações que criam banco de dados e se integram com eficiência com as soluções que captam informações. O desenvolvedor pode, inclusive, inserir essa funcionalidade em sua proposta de serviços.

Onde aprender Big Data?

O ensino a distância é a melhor maneira de aprender mais sobre big data. Você encontra bons cursos online, oferecidos por plataformas de ensino renomadas. A Udemy e a Cursera são 2 bons exemplos de instituições que aprofundam o tema, e há também outras opções muito interessantes.

O desenvolvedor precisa ter em mente que o aprendizado desses assuntos também acontece por conta própria. É possível encontrar muitos conteúdos de leitura na web, além dos vídeos no YouTube que falam sobre o assunto.

Como qualquer outro tema relacionado à tecnologia, o big data tem novidades a cada dia, com a evolução das técnicas. Isso faz com que o aprendizado seja contínuo, o que demanda estudos e leituras de atualização frequentes.

Como aliar esse conhecimento à carreira?

O desenvolvedor precisa pensar na aplicação do big data como um serviço: alguns clientes vão precisar, mas outros não. Há empresas que conseguem uma boa gestão sem precisar da análise de altos volumes de dados, ainda que essa prática seja uma realidade.

O importante é ter domínio sobre o big data e propor as soluções com base nele. Se o cliente sentir a necessidade, ou até mesmo já estiver procurando isso, vai aderir à proposta. O desenvolvedor precisa saber como trabalhar essas soluções para aplicá-las quando for necessário.

Você precisa se preparar para trabalhar com big data! Esse campo da tecnologia é cada vez mais importante para as empresas, e se você domina essa área estará pronto para os melhores projetos para o cliente.

Quer ter acesso a mais conteúdos como este? Assine nossa newsletter e receba outros posts diretamente no seu e-mail.