Filmes para programadores: 4 títulos que você precisa assistir

Abordar a própria profissão durante momentos de lazer pode ser uma ótima maneira de se inspirar e aprender de forma divertida e leve. Os filmes para programadores mostram histórias que se aproximam muito da realidade de profissionais da área, entre tramas baseadas em fatos reais e outras fictícias.

Seja para se inspirar ou para aprender, esses filmes são quase como um dever de casa para os programadores. Que tal colocar algumas boas obras na sua lista de filmes para serem vistos? Este post vai trazer quatro sugestões e falar um pouco mais sobre elas. Confira a seguir!

1. A Rede Social (2010)

Entre os principais filmes para programadores, é impossível não citar “A Rede Social”, que traz nada menos do que a história por trás da criação do Facebook, a maior rede social ativa atualmente. A obra é baseada em fatos reais e conta como, o então universitário Mark Zuckerberg, decide fundar o site.

Na época, após um término de relacionamento, Zuckerberg tem uma atitude bem imatura, criando uma página para comparar as meninas do campus no quesito beleza. Para isso, ele invade a base de dados da Universidade de Harvard, roubando as fotos para fazer o seu site.

O sucesso foi imediato e os esforços nem foram tão grandes: Mark Zuckerberg desenvolveu a página completamente bêbado. Ele foi punido por esse projeto, que logo depois rendeu-lhe boas oportunidades até culminar na criação do Facebook.

O filme mostra o tamanho da genialidade e da capacidade técnica de Zuckerberg como programador, mas também deixa claro como a ética é fundamental no meio profissional. Afinal, apesar do grande sucesso do Facebook, a rede social foi criada em meio a violações de propriedade intelectual por parte de seu criador.

O programador está a todo tempo em meio a muitos conteúdos que servem como referência, assim como ideias compartilhadas por colegas de profissão. Vale a pena não só se inspirar com a trajetória de Mark Zuckerberg, mas também compreender como a ética é fundamental na programação.

2. Jobs (2013)

Se a sua intenção é ganhar um ânimo extra e inspiração enquanto vê alguns filmes para programadores, “Jobs” é uma ótima opção. Apesar de a crítica não ter sido muito positiva sobre o filme como obra, vale a pena ver como Steve Jobs começou a sua trajetória à frente da Apple.

O filme retrata nada menos do que 30 anos da carreira do fundador e ex-CEO da empresa, desde o momento em que ele deixa a faculdade, em 1971, até o seu sucesso pleno, em 2001. O início mostra Jobs se juntando a Steve Wozniak, seu grande parceiro de trabalho e que fundou a Apple junto a ele.

Durante todo o filme, é possível ver o que todo programador sente na pele no dia a dia da profissão: o grande fluxo de trabalho e o enorme esforço que cada projeto demanda. Apesar de serem geniais, Jobs e Wozniak se dedicaram muito para criar seus primeiros computadores e para começar a comercializá-los.

Em “Jobs”, é possível ver a progressão do trabalho de Steve Jobs na criação da gigante Apple, desde o desenvolvimento de peças e de computadores na garagem de sua casa até o sucesso e a chegada ao topo.

No meio do caminho, além de se inspirar, quem assistir também percebe o temperamento difícil de Jobs, que rendeu a ele problemas de gestão e de relacionamentos com sua equipe e até mesmo em sua vida amorosa.

“Jobs” mostra que uma mente brilhante é capaz de apostar e trabalhar duro nas suas ideias até alcançar o sucesso, mas também deixa claro como o trabalho em equipe não admite egoísmos e arrogâncias. Entender e praticar isso é parte da rotina do programador!

3. O Jogo da Imitação (2014)

“O Jogo da Imitação” é um dos filmes para programadores que mostra o trabalho em uma época muito distante, bem diferente do que vemos atualmente. Tecnicamente, talvez esse longa não ensine tanto, mas em questões comportamentais, a história é realmente muito importante. Como obra, o filme é impecável!

O contexto histórico é a Segunda Guerra Mundial, passando-se mais precisamente no Reino Unido. O longa começa em uma investigação sobre um roubo que o matemático Alan Turing sofreu em sua residência, desenrolando-se então para toda a história.

Ele precisou liderar uma equipe de competentes profissionais com o objetivo de desenvolver uma máquina que fosse capaz de decifrar o Enigma, código que a Alemanha nazista usava para se comunicar — especialmente na troca de mensagens que indicavam seus ataques com bombas.

Além de todo trabalho duro de meses para construir a máquina, o filme relata a personalidade difícil de Turing — o que resultava em dificuldade de relacionamentos —, mostrando também como ele conseguiu superar isso para gerir sua equipe. Com a confiança ganha, Turing consegue então desvendar o Enigma e salvar milhões de vidas, mesmo tendo que tomar duras decisões.

Nem sempre vai ser fácil trabalhar em equipe, especialmente gerir pessoas. Porém, para um programador, isso é fundamental. A obra mostra como Alan Turing, mesmo com sua genialidade, precisou superar essa questão para chegar ao objetivo.

4. Os Estagiários (2013)

A recolocação no mercado de trabalho nem sempre é uma missão fácil! Manter-se atualizado é praticamente uma obrigação para quem trabalha nas áreas de T.I. e tecnologia, e “Os Estagiários” traz muito disso, além da questão da adaptabilidade — característica cada vez mais necessária nos dias atuais.

A trama traz a história dos amigos Billy e Nick, dois caras na casa dos 40 anos e recém-demitidos de uma empresa, mas que decidem arriscar tudo e concorrer a uma vaga para trabalhar no Google. A grande questão é que eles não sabem nada sobre mídias digitais, área principal de atuação.

Aí é que começa uma trama divertida — afinal, por que os filmes para programadores não podem render boas risadas, além de aprendizado?

Nessa trajetória, além de vivenciar o dia a dia no Google, algo que muitos profissionais da área gostariam de conhecer, Billy e Nick mostram como é necessário se manterem atualizados e adaptados às situações que aparecem no cotidiano.

Na trama, eles também precisam lidar com pessoas bem mais novas que eles, muitas em cargos de chefia — algo comum no mercado atual.

O filme traz — em tom divertido — várias questões fundamentais, como a necessidade de aprender continuamente, a importância do trabalho em equipe para desenvolver projetos e a necessidade de se adaptar aos diferentes desafios, novas tecnologias e métodos de atuação.

Gostou desta lista de filmes para programadores? Os quatro títulos sugeridos vão divertir, inspirar e trazer ensinamentos muito importantes para a profissão, ajudando no dia a dia e no posicionamento no mercado!

Já assistiu a algum outro filme que traga algo de bom para profissionais na área? Então, deixe a sua sugestão nos comentários!